top of page
leclerc.jpg
IEES.png
LOGO ERA SITE.jpg
pub site.png
LOGO.jpg
logo faftir site.jpg
INTERMARCHE LOGO SITE.jpg
Logo JP 2020.jpg
Image2.jpg
atelier logo.png
pub site.png
pub site.png

CDS apresenta medidas para ajudar o comércio local.

A concelhia de Fafe do CDS, apresentou uma série de medidas, que os centristas acham primordiais para ajudar o comércio local nesta época de estado de emergência. Segundo a nota divulgada à imprensa, esta é a segunda vez que fazem chegar até ao executivo liderado por Raul Cunha, um conjunto de medidas capazes de ajudar o comércio local. Alertando para um período que se avizinha da quadra natalícia, que tudo indica será diferente, aqui ficam as medidas que os centristas entendem que devem ser criadas:

1. Criação do cartão jovem “Comércio Local Fafense”.

Seria atribuído gratuitamente um cartão aos jovens Fafenses até 25 anos que permitiria a obtenção de 10% a 20% de descontos na compra em lojas, restaurantes e outros que queiram aderir. Esta medida permitiria duas situações: i) dar mais capacidade de aquisição aos jovens que são aqueles que se encontram em situação de maior fragilidade laboral; ii) potencializar os ganhos das lojas e comerciantes pelo facto de isto potencializar o consumo.


2. Criação de um site informativo sobre os serviços/empresas existentes em Fafe.

Esta medida passaria por criar um site onde seria possível encontrar todos os serviços que Fafe dispõe. Ou seja, inúmeras vezes os Fafenses recorrem a empresas fora do Concelho por desconhecerem que no nosso próprio Município existe uma empresa com igual serviço. Aqui seria possível selecionar o que se pretende comprar e o próprio site sugeria a empresa prestadora desse serviço ou bem e os seus respetivos contactos.


3. Criação do selo “Comércio Local SAFE”

Esta medida passaria pela criação de um selo de garantia de como o comércio/loja/empresa em questão garante as normas de higienização. Isto seria facultado depois de num primeiro momento, em que a Câmara Municipal atribuía gratuitamente kits covid (máscaras, álcool gel) por forma a baixar os custos do comerciante nesta matéria e posteriormente ser-lhe-ia concedido este selo de garantia por forma a aumentar a confiança dos compradores/consumidores.


4. Criação dos Sacos “Comercio Local SAFE” – Compre no Comércio Local Fafense.

Esta medida passaria por atribuir aos nossos comerciantes sacos ecológicos com a designação: “Comercio Local SAFE” – Compre no Comércio Local Fafense. Isto permitia duas situações: i) baixar os custos dos comerciantes com este tipo de bens; ii) disseminar a marca Comércio Local Fafense permitindo assim a consciencialização para este importante apoio.


5. Criação de parceria com táxis Fafenses para entregas ao domicílio

Como sabemos, os restaurantes no próximo fim-de-semana não poderão fazer take-away depois das 13h de sábado e domingo, portanto sugerimos a criação desta parceria, a acordar entre a Câmara Municipal e taxistas, para que os restaurantes não tenham gastos com entregas, nem façam aumentar o preço final ao consumidor. Este custo de transporte de refeições, seria suportado pela Câmara Municipal



bottom of page