top of page
leclerc.jpg
IEES.png
LOGO ERA SITE_edited.jpg
pub site.png
Novo-logo-da-DS.jpg
logo faftir site.jpg
INTERMARCHE LOGO SITE.jpg
Logo JP 2020.jpg
Image2.jpg
atelier logo.png
pub site.png
358076610_576253454714813_52943724004093

Historiador Daniel Bastos participou no Festival de Setembro

Entre os dias 8 e 10 de setembro, a Vila Medieval de Ourém voltou a ser palco do Festival de Setembro, um festival multidisciplinar e multicultural que este ano teve como tema “Nós, Migrantes”.

O Festival de Setembro, acolheu em ambiente de fruição cultural durante três dias, iniciativas de cultura, conhecimento e diálogo em torno da diversidade cultural, inspiradas nas trajetórias da emigração para França, Reino Unido, Brasil, Angola, Moçambique, a par de todos os outros destinos do mundo.

Entre seminários, conferências, exposições, concertos, teatro, visitas ao património cultural, literatura, cinema, instalações artísticas, artesanato e gastronomia inspirada em países de destino da emigração, o historiador Daniel Bastos apresentou no decurso do Festival de Setembro, o seu último livro “Comunidades, Emigração e Lusofonia”, e evocou a memória de Gérald Bloncourt. Fotógrafo cujas amplamente conhecidas imagens que imortalizam a

história da emigração portuguesa para França, e que estivarem patentes na iniciativa cultural do território do Médio Tejo, foram doadas ao Museu das Migrações e das Comunidades, sediado em Fafe.


O historiador Daniel Bastos (dir.), acompanhado da vereadora Isabel Costa e do emigrante benemérito luso- americano José Luís Vale, no Festival de Setembro que decorreu no Castelo e Paço dos Condes de Ourém

Comments


bottom of page