top of page
leclerc.jpg
IEES.png
LOGO ERA SITE_edited.jpg
pub site.png
Novo-logo-da-DS.jpg
logo faftir site.jpg
INTERMARCHE LOGO SITE.jpg
Logo JP 2020.jpg
Image2.jpg
atelier logo.png
pub site.png
358076610_576253454714813_52943724004093

Cerca de mil pessoas visitaram a exposição «Lãnolinho» em Fafe

A exposição «Lãnolinho», que esteve patente no Arquivo Municipal desde julho último até ao final do mês de setembro, apresentou um balanço muito positivo, tendo alcançado um número de visitantes de cerca de mil pessoas.

A exposição, que nasceu a partir da residência artística da norte americna Cindy Steiler e da portuguesa Mónica Faria, ocupou cinco salas do edifício do Arquivo, sendo que em cada uma delas foi possível acompanhar a recolha de testemunhos feita pelas artistas junto das pessoas que com elas partilharam o saber fazer do ciclo do linho e da lã, recompondo sob o olhar da arte as antigas tradições artesanais de Fafe.

«LãnoLinho» insere-se nas iniciativas «Experimentar o têxtil», promovidas no território do Vale do Ave pela bienal Contextile, com o propósito de ligar as diversas realidades do têxtil entre si e conectar os públicos e as comunidades aos processos de criação em torno do têxtil.

O sucesso desta exposição reflete o investimento crescente que o Município de Fafe tem feito na valorização do Arquivo Municipal, tornando-o num serviço aberto ao público. A organização de exposições em torno de temas da história e identidade locais, conferências e workshops tem complementado a vocação primordial do arquivo histórico e da consulta. O pelouro da Cultura do Município de Fafe abarcou para este espaço um investimento considerável em equipamento e meios técnicos e tecnológicos, estando a ser preparado um interface próprio.

Nos últimos dois anos, entre as várias iniciativas e ações realizadas no Arquivo Municipal, com destaque para a Exposição «Jardim do Calvário. 130 anos de história e memórias» , a Exposição evocativa dos 160 anos do Hospital de S. José, a Exposição documental «Nossa Senhora de Antime – a fé de um povo», visitaram este espaço cerca de 3500 pessoas.




Comentários


bottom of page