Direitos reservados. A publicação de conteúdos deste site, impressa ou online, sem autorização, está sujeita a sanções legais.

EMAIL: fafetvtemporeal@gmail.com

CONTACTO: 966301409  

Fafe Tv ©2019

leclerc.jpg
municipio frafe 08.2018.png
INTERMARCHE LOGO SITE.jpg
iesfafe-01.jpg
LOGO ACR SITE.jpg
Image1.jpg
LOGO JORGE PINHEIRO SITE.jpg
  • Redação

O Núcleo de Artes e Letras de Fafe invocou o centenário da Batalha de La Lys.


O Núcleo de Artes e Letras de Fafe invocou esta segunda-feira, dia 9 de Abril , o centenário da Batalha de La Lys, aquela que foi considerada o maior desastre militar português desde Alcácer Quibir, em 1578.

No palco dessa sangrenta peleja, registada na Flandres em 9 de Abril de 1918, foram vitimados (mortos, feridos ou aprisionados) pelos alemães cerca de 8 000 soldados portugueses. Na mesma batalha, pereceram 9 militares fafenses. No total da I Guerra Mundial, terão morrido mais de 8 mil jovens que nela foram obrigados a participar, sendo que de Fafe faleceram 36 soldados, sendo 19 na Europa, 11 em Moçambique e 6 em Angola.

Ao início da tarde foi colocada uma coroa de flores no monumento aos mortos da grande guerra em plena praça 25 de abril.

À noite, o auditório da biblioteca foi palco de um colóquio pelo historiador Artur Leite, sobre a Batalha de La Lys.