top of page
leclerc.jpg
IEES.png
LOGO ERA SITE_edited.jpg
pub site.png
Novo-logo-da-DS.jpg
logo faftir site.jpg
INTERMARCHE LOGO SITE.jpg
Logo JP 2020.jpg
Image2.jpg
atelier logo.png
pub site.png
358076610_576253454714813_52943724004093

Rali Serras de Fafe marca o ponto de partida do campeonato. Europa continua a ser uma possibilidade...mas para 2025

O Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto volta a ser em 2024 o ponto de partida do Campeonato de Portugal de Ralis (CPR), em 23 e 24 de fevereiro, com um traçado em terra que apresenta, face à edição anterior, algumas novidades, como a partida em Boticas, na tarde de sexta-feira. Durante a apresentação, que aconteceu esta quarta-feira no salão obre dos paços do concelho, Carlos Cruz, do Demoporto, revelou que poderão existir novidades para 2025, com a prova a estar preparada a poder voltar à rota europeia.

A uma semana do fecho das inscrições, e no que toca a pilotos estrangeiros, são já dadas como certas as participações do boliviano Sebastian Contreras (Citroen C3 Rally2), um estreante na Europa, e de Sergi Perez (Hyundai i20 N Rally2), o jovem espanhol de 19 anos que em 2023 venceu a Peugeot Rally Cup Ibérica.

No primeiro dia, os pilotos cumprem as 2 classificativas na região de Boticas: Boticas/Vale do Tâmega (9,64 km) com traçado idêntico a 2023, e Boticas/Senhor do Monte (11,53 km) com menos 5 km de extensão e embora tanto o início como o final sejam iguais, a parte intermédia é uma estreia. A jornada termina com a já tradicional super-especial (1,62 km) noturna no centro da cidade de Fafe.

Sábado, durante a manhã, disputar-se-á uma dupla passagem pelas classificativas de Luílhas (11,9km), em versão um pouco mais longa que a do ano passado e já utilizada em edições anteriores, e Cabeceiras de Basto (10,68 km), a qual decorrerá integralmente nesse concelho. O início será o mesmo do troço do Rali de Portugal, incluindo depois três quilómetros nunca antes utilizados, para terminar no mesmo local de 2023.

A parte final do rali organizado pelo Demoporto – Clube de Desportos Motorizados do Porto inclui uma dupla passagem pelas classificativas de Seixoso (9,97 km), igual a 2023, e Lameirinha (11,18 km), esta numa versão mais curta que a do ano anterior e que será a POWER STAGE, estando o final da prova, em Fafe, previsto para as 17h32.

O Qualifying e o Shakedown, na manhã de sexta-feira, voltam a ter como palco a classificativa de Montim (3,61 km), em Fafe.

O Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto é ainda pontuável no Campeonato de Portugal de Ralis 2RM (duas rodas motrizes), no Campeonato de Portugal de Masters de Ralis, no Campeonato Promo de Ralis, no Challenge R5/S2000, e é a prova de abertura da Toyota Gazoo Racing Iberian Cup 2024.


Texto: Demoporto





Comments


bottom of page